“O que importa é a história, a mensagem,
o sentimento e a conexão”,
Platon

Conteúdos multimídia iH!Criei neste artigo

vídeo
foto
infográfico
áudio
pesquisa
Não temos revisores, portanto, se você encontrar algum erro, por favor nos ajude entrando em contato, e, se você quiser entender o por quê, leia nosso manifesto.

FOTÓGRAFO DE CELEBRIDADES A CAUSAS HUMANITÁRIAS

Foto: Model N

“O que importa é a história, a mensagem, o sentimento e a conexão”, palavras do fotógrafo grego Platon, que tem em sua lista de celebridades presidentes, artistas, músicos, atores, além de pessoas desconhecidas que carregam história difíceis e entregam sua verdade durante o clique deste profissional. Seu atual projeto é o filme “Meu corpo não é uma arma”, que trará a história de mulheres estupradas no Congo. Abaixo você confere alguns dos nossos insights sobre o olhar deste criativo.

PRINCIPAIS INSIGHTS DA FOTOGRAFIA DE PLATON QUE VOCÊ PODE APLICAR AGORA NA SUA VIDA

  • Você usa a sua sensibilidade para criar? Uma das formas que Platon encontrou de trazer vida as suas imagens foi seu olhar sensível sobre quem ele fotografa. Ele quer sentir a dor, a alegria, a vida e a alma de quem compartilha aquele momento com ele. Isso nos lembra a importância de nos conectar com o outro, antes da ansiedade de criar o que você foi designado para executar.
  • Como anda sua relação com sua cultura ou com quem você é? Uma lembrança que o fotógrafo conta é a importância de nos conectarmos com nossas raízes, principalmente quando sentimos que estamos nos perdendo de alguma forma na vida, ou quando algo está desconexo com nossa essência. Quem vive em uma cultura diferente – no caso dele, um grego que mora nos Estados Unidos – as vezes não consegue ver sentido no que está fazendo e corre o risco de diminuir seu brilho e intuito profissional. Por isso, resgate suas raízes sempre que se sentir perdido, ou, de forma lúdica, “Lembre-se de quem você é”, palavras do personagem Mufasa, do clássico “O Rei Leão”, da Walt Disney, quando Simba se vê confuso de quem é, pra onde ir, o que decidir.
  • Faça trabalhos que preencham sua alma. Criar alguma ideia e ver ela funcionando é uma delícia. Mas criar com um significado maior – que não apenas seja ganhar dinheiro e viver a vida que você quer, é totalmente diferente. Procure PENSAR mais no que você faz e suas motivações. Em cada ação de seu trabalho. Fazer algo com propósito muda o dia a dia do trabalho, traz um diferencial no seu mercado de trabalho e na sua vida.

Quer ter mais insights a partir do seu ponto de vista? Então super recomendamos que assista a este episódio da série Abstract na Netflix! Quer saber como a primeira temporada toda abriu nossa mente? Acesse o artigo introdutório “Como a série Abstract iluminou nossa criatividade”.

Foto da capa: @Hasselblad – Twitter

Como você se sentiu depois de aprender com este conteúdo?
  • Quero+ (0%)
  • Chocado (0%)
  • Inspirado (0%)
  • Curioso (0%)
  • Surpreso (0%)
  • Feliz (0%)
  • desanimado (0%)
Redação iH!Criei

Sobre Redação iH!Criei

O Ih!Criei é dedicado a trazer conteúdos especializados sobre as áreas da Economia Criativa, como colocar a Criatividade na Prática e o como trabalhar o Desenvolvimento Humano Criativo e Inovador em uma linguagem multimídia acessível, informal e criativa. Nossa principal visão é de que a criatividade é um valor humano e, como todo valor que contribui para o bem de uma sociedade, deve ser cultivado, compartilhado e praticado. Antes de inovar, é preciso criar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *